Como funciona o consórcio contemplado

Saiba mais sobre o consórcio contemplado e descubra se vale a pena adquiri-lo

Dúvidas sobre Consórcio Publicado em 05/09/2018

O consórcio tem sido a principal escolha de quem deseja comprar um bem ou serviço sem ter que se preocupar com valor de entrada, burocracia e cobrança de juros. Apesar dessas vantagens, essa modalidade condiciona a pessoa esperar pela contemplação para fazer a aquisição. Uma maneira de aproveitar os benefícios e obter a cota com mais agilidade é a compra do consórcio contemplado.

O que é a carta de crédito?

como-funciona-consorcio-contemplado

Antes de entender como funciona a compra de um consórcio contemplado é preciso entender como funciona essa contemplação. Quando o consorciado é escolhido, ele não recebe o dinheiro vivo para fazer a compra do seu bem/serviço. O que ele ganha é a carta de crédito com o valor que foi contratado. Assim, ele pode comprar o bem ou contratar o serviço que precisa à vista, e o dinheiro é então transferido direto para a conta de quem vendeu. Ou seja, o Consórcio serve exclusivamente para compra de um bem/serviço, e no geral só pode ser usado como levantamento de capital com a finalidade específica de adquirir um bem.

Quais cuidados devo ter ao comprar uma cota contemplada?

como-funciona-consorcio-contemplado-2

Quem deseja comprar uma carta de crédito que já foi contemplada, precisa tomar alguns cuidados, como:

  1. Verificar se a cota realmente existe

Como o consórcio só pode ser administrado por empresas credenciadas pelo Banco Central (BC), o primeiro passo para ter certeza da legalidade do processo é verificar se a administradora é realmente credenciada pela organização. Você pode fazer isso por meio do site do BC.

Se a resposta for positiva, entre em contato com a empresa de consórcios para confirmar se a cota realmente foi contemplada e se as parcelas estão todas em dia.

  1. Conhecer as regras do consórcio

Quem assume uma carta de crédito contemplada deve arcar com todas as obrigações que o consorciado tinha com o grupo e a administradora. Por isso, é muito importante conhecer todas as regras e detalhes relativos às assembleias, pagamento de parcelas e mais.

  1. Ler o contrato

O contrato de adesão reúne todas as informações sobre os direitos e deveres na relação administradora e consorciado. É neste documento que estão especificados algumas questões, como porcentagem da taxa de administração, regras de reajuste, seguro, penalidades por inadimplências e mais.

Como quem vai comprar o consórcio contemplado também assume os direitos e deveres do consorciado anterior, a leitura do contrato é fundamental. O ideal é analisar esse documento antes de fechar negócio. Assim, há tempo hábil para esclarecer alguma dúvida.

Por exemplo, normalmente há descrito no contrato como funciona a transferência da carta de crédito contemplada e todos os trâmites que vêm com ela, como taxas e documentos obrigatórios.

  1. Verificar o valor das parcelas

Como já mencionamos no texto, aquele que compra o consórcio contemplado precisa arcar com as parcelas restantes até o fim do contrato. Sendo assim, é necessário verificar o valor dessas prestações e quantos meses ainda faltam para encerrar o grupo. Muitas administradoras cobram meia parcela até a contemplação, para facilitar a aquisição da cota. Sendo assim, é preciso ter cuidado ao verificar qual o valor da parcela será cobrado da contemplação em diante. Afinal, a pessoa que está oferecendo o consórcio para você estava pagando metade do valor real, e você provavelmente terá que assumir o valor cheio.

Portanto, verifique o valor real e não apenas o que o consorciado estava pagando. E apenas siga em frente na aquisição se tiver certeza de que pode assumir esse custo mensalmente.

  1. Verificar os valores pagos na cota

Também é interessante analisar o quanto da cota já foi pago pelo consorciado anterior. Esta é uma forma de você ter certeza do que realmente está pagando. Esta verificação pode ser feita com um extrato de pagamento que a administradora disponibiliza para o membro do consórcio.

  1. Verificar o valor de entrada e do ágio

Normalmente, quem deseja comprar o consórcio contemplado precisa pagar à vista o valor das parcelas já quitadas mais o ágio (lucro do vendedor). Por isso, essa aquisição é melhor aproveitada pelo comprador quando a contemplação é feita logo no início do contrato. Quanto mais cedo a carta for contemplada, menor será o valor de entrada cobrado na venda. No entanto, dependendo do vendedor, ele também pode querer cobrar um ágio maior, uma vez que a entrada é menor. Uma boa solução é consultar um representante ou alguém que tenha acesso a mais de uma oferta de carta contemplada, para você conseguir pesquisar entre diversas opções.

Além disso, como dito anteriormente, é extremamente importante fazer as contas e verificar matematicamente se o negócio realmente vale a pena.

  1. Ficar de olho nas taxas extras

A maioria das administradoras cobram taxas de transferência. Por isso, antes de fechar o contrato, entre em contato com a operadora que administra o consórcio para saber se há algum valor a ser cobrado durante essa transação.

Qual a vantagem em comprar consórcio contemplado?

como-funciona-consorcio-contemplado-3

Muitos se perguntam qual é a vantagem em comprar uma carta de crédito contemplada ao invés de entrar em um consórcio desde o início. O principal benefício dessa alternativa é a rapidez em adquirir o seu bem ou serviço sem precisar aguardar a contemplação. Ou seja, é ideal para quem tem pressa e é imediatista. Além disso, é uma alternativa muito mais econômica e simples do que um financiamento bancário.

Em contrapartida, o interessado terá que dar um valor de entrada que pode ser alto ou baixo dependendo da cota que deseja adquirir e do ágio cobrado por quem está ofertando a carta contemplada. Sem contar é claro, que terá que assumir todos os custos, como o próprio ágio já citado (lucro cobrado pelo vendedor), taxa de transferência cobrada pela administradora e parcelas já quitadas pelo outro consorciado.

A dica aqui é você falar com um representante de consórcio, que além de ter acesso a diversas cotas contempladas, ainda conhece a fundo as regras de cada administradora. Apesar de haver a cobrança de um pequeno custo de serviço, ele poderá te dar todas as informações que você precisa para fechar negócio com tranquilidade e segurança. Assim, você evita riscos e tem mais comodidade no processo.

Ainda está com dúvidas se é melhor comprar um consórcio contemplado ou entrar no grupo desde o início? Então, entre em contato com a A7 Consórcios e converse com um de nossos especialistas. A partir de uma análise do seu perfil e objetivos, é mais fácil encontrar a modalidade que mais combina com você.

Logo A7 Consórcios Azul Escuro
sobre o autor
A7 Consórcios

Comentários