Quais equipamentos valorizam o veículo?

Confira os equipamentos que mais valorizam o carro na hora da venda

Dicas sobre automóveis Publicado em 05/02/2018

Quem já pesquisou por carros em classificados e feirões deve ter percebido que alguns são mais caros que outros. Além da conservação, você sabe quais são os equipamentos que valorizam o veículo? Confira a lista abaixo e descubra:

equipamentos-que-valorizam-o-carro-a7-consorcios
  1. Ar condicionado

Dirigir com muito calor ou frio não é uma tarefa fácil. Por esse motivo o ar condicionado é tão cobiçado nos carros. Este item além de amenizar o desconforto ao esfriar ou esquentar o ambiente, também evita a desidratação do corpo (especialmente em dias muito quentes) e ajuda a desembaçar os vidros.

  1. Bancos de couro

Este é um artigo que agrega bastante estilo ao veículo. Mais fáceis de limpar e manter do que os bancos de tecido, a opção em couro remete a um item de luxo.

  1. Ajuste de altura e profundidade

Um veículo que não possui ajuste de altura e profundidade do volante e banco limita bastante o público que pode vir a compra-lo. As pessoas possuem diferentes alturas e comprimentos de pernas e braço, então poder contar com um item que permita você dirigir o mais confortável possível ajuda a valorizar – e muito – o carro.

  1. Direção elétrica

A direção elétrica garante um maior conforto na hora de manobrar o carro. Além da leveza na hora de dirigir, este item também melhora o consumo – como possui um motor próprio, ele não rouba a potência do carro.

  1. Câmbio automático

Cada vez mais presentes no mercado brasileiro, o câmbio automático é um artigo dos sonhos para muita gente. Isso faz com que o equipamento valorize consideravelmente o veículo.

  1. Central multimídia

O mundo tecnológico e conectado também tem sido exigido na hora de dirigir. Uma central multimídia faz toda a diferença na hora de valorizar um veículo.

  1. Equipamentos de segurança

Airbags, freios ABS e controle de estabilidade são cada vez mais essenciais na hora de valorizar o seu carro para a revenda. Como os dois primeiros itens passaram a ser obrigatórios desde 2014, um veículo que não conta com estes equipamentos de segurança acaba sendo desvalorizado diante ao mercado.

  1. Sensor de estacionamento

Muitos motoristas encontram bastante dificuldade na hora de estacionar, especialmente quando a baliza é exigida. É comum arranhar ou bater o carro neste momento por não ter a noção adequada da distância ou não conseguir enxergar os obstáculos. Pensando nesta dificuldade, muitos veículos são equipados com sensor de estacionamento, que podem ser visual ou sonoro.

  1. Trio elétrico

O trio elétrico é composto por vidros, travas e retrovisores. Apesar deste item ser melhor quando vem direto da fábrica, você pode instalar o trio depois que comprar o carro. Esta é uma ideia a ser levada em conta, especialmente na hora da venda.

Dicas para você valorizar o seu carro na hora da venda

equipamentos-que-valorizam-o-carro-a7-consorcios-1

Quase todo brasileiro segue esta lógica: compra o carro A, depois de um tempo o vende e pega o valor da revenda para dar de entrada no carro B. Se você é uma destas pessoas, existem algumas dicas simples do que você pode fazer para valorizar o seu veículo e garantir um melhor preço de venda. Confira:

  1. Cuide bem dele desde o primeiro dia

Desde o primeiro dia em que estiver com o seu carro faço o máximo para mantê-lo bem conservado, especialmente na parte visual e mecânica. Se possível, deixe sempre o veículo em um local coberto, pois a exposição ao sol e chuva pode estragar a pintura.

  1. Mantenha as peças e equipamentos originais

Na medida do possível, tente deixar o carro com o máximo de peças e equipamentos originais. Isso valoriza bastante o veículo na hora da venda.

  1. Remova as customizações

Apesar de legal, as customizações costumam atrasar a venda de um veículo. Por isso, retire todas as personalizações do carro, como engates e rodas grandes, antes da revenda.

  1. Mantenha o carro limpo

Antes de apresentar o veículo a um possível comprador, dê uma geral nele. Limpe bem os estofados e tire toda a sujeira e lixo do interior do carro. Pode parecer besteira, mas esta atitude faz bastante diferença na hora da venda.

  1. Não perca o manual e nem a chave reserva

Se o veículo ainda estiver no período de garantia da montadora, o manual do proprietário é um documento fundamental na hora da venda. Ali consta todos os carimbos referentes às revisões obrigatórias nas concessionárias. Possuir a chave reserva do carro também é um bom diferencial.

  1. Guarde os comprovantes das manutenções

Estes documentos são uma segurança a mais para o futuro comprador. Com certeza ele vai se sentir muito mais confiante em adquirir um veículo em que ele tem todas as informações necessárias.

Agora você tem tudo o que precisa para deixar o seu carro pronto para revenda. Por último, uma excelente forma de planejar a troca do veículo é através do consórcio de veículos. Você pode usar o valor de venda do automóvel anterior como lance ou até mesmo para quitar parcelas. Você compra o carro novo com segurança, com todos os benefícios da compra à vista, e continua pagando à prazo. Saiba mais nesse artigo de como funciona o consórcio de carros.

E para saber mais informações sobre o mundo dos automóveis, não deixe de acessar nosso blog e conferir nossas dicas automotivas.

Logo A7 Consórcios Azul Escuro
sobre o autor
A7 Consórcios

Comentários